O Novo lançamento da Dijuan Construções na Avenida Manoel Tavares no bairro Jardim Tavares.
Todas as unidades vendidas!
O Novo lançamento da Dijuan Construções na Avenida Manoel Tavares no bairro Jardim Tavares.

Confira as últimas novidades

segunda-feira, Julho 10, 2017

A casa própria é um dos principais sonhos dos brasileiros. No entanto, na hora da compra sempre surge a dúvida "casa ou apartamento?". Existe uma tendência que nos leva a pensar que casa é melhor que apartamento, porém ambos tem características particulares que podem agradar a alguns e desagradar a outros. Sendo assim, queremos  te mostrar algumas vantagens que te farão perceber que pode ser muito bom morar em um apê.

01- SEGURANÇA: Em relação a uma casa, o apê é muito mais seguro. Geralmente, os condomínios possuem portaria e/ou segurança 24 horas. 

02- LAZER: A grande maioria dos prédios e condomínios oferecem área de lazer com piscina, playground, salão de jogos, festas etc., somado ao fato de que é possível desfrutar de tudo isso sem sair de casa se transforma em um combo perfeito para uma boa moradia.

03- CUSTO: Umas das vantagens é poder utilizar serviços que existem no ambiente do condomínio, como academia, área de lazer, salão de festas e, assim, economizar dinheiro. Nesse tempo de crise poupar te sido questão de sobrevivência, né mesmo?!

04- LIMPEZA: Uma das desvantagens de morar em uma casa é a dificuldade de manutenção. Já no apartamento a limpeza e manutenção de calçadas, áreas comuns do prédio são sempre responsabilidade do condomínio. Facilita, né?!

05- AMIZADES: Morar em um apê traz consigo uma maior oportunidade de contato humano. Fazer amizades, conhecer e ter contato com os moradores é um ponto super positivo dos prédios e condomínios.

 

Como podemos ver, é bem vantajoso morar em apartamento. Esses benefícios dizem respeito ao espaço, lazer, conato social e custo benefício. Vale a pena investir num apê. Nós da Dijuan Construções temos opções espciais pra você e sua família. Entre em contato conosco e conheça melhor nossos empreendimentos. 

terça-feira, Fevereiro 14, 2017

A partir de agora quem tem renda de até R$ 9 mil vai poder financiar imóvel pelo Programa Minha Casa Minha vida (MCMV). Até então, isso só era possível para famílias com renda até R$ 6,5 mil. Porém, o Governo anunciou essa e outras mudanças que prometem, além da contratação do financiamento de 610 mil imóveis somente este ano, a geração de empregos no setor.

Outra novidade é que o valor limite dos imóveis para quem está na faixa 1 (com renda bruta até R$ 1,8 mil) também mudou, passando de R$ 170 mil para R$ 180 mil. O financiamento pelo Programa se torna vantajoso em comparação com o crédito imobiliário tradicional que fica  entre 10% e 14% ao ano, enquanto no MCMV apenas 8,16%.

Com a retomada do MCMV, a previsão é a estabilização e crescimento da economia.

Veja como fica o teto de renda mensal com as mudanças no programa:

Faixa 1
Permanece R$ 1.800

Faixa 1,5
Sobe de R$ 2.350 para R$ 2.600

Faixa 2
Sobe de R$ 3.600 para R$ 4.000

Faixa 3
sobre de R$ 6.500 para R$ 9.000

sexta-feira, Janeiro 20, 2017

O ano de 2017 começou com ótimas previsões para o mercado imobiliário. A pomessa é de vendas aquecidas, com maior percentual de investimentos. Isso se deve à alguns fatores que corroboram para a alta no setor que sofreu com a crise dos dois últimos anos. Isto significa que este também é o melhor ano para a compra da tão sonhada casa própria, visto que, há muito estoque e preços abaixo do nível, devido à pouca procura dos anos passados.  

Então, vejamos a seguir quais os principais fatores reponsáveis por colaborar com a alta das vendas e o bom momento para investir:

1- INFLAÇÃO À BAIXO DA MÉDIA: Segundo a Revista Exame a inflação brasileira saiu de 10,7% em 2015 para, aproximadamente, 7,2% em 2016. Para 2017, a previsão do mercado financeiro para a inflação é de 5,07%, conforme divulgação do Banco Central no último Relatório Trimestral de Inflação, documento que possui as expectativas para a economia. No entanto, Ilan Goldfajn, presidente do BC, comunicou que tentará conseguir atingir meta central de inflação de 4,5% estipulada para o próximo ano.

2- REDUÇÃO DA TAXA DE JUROS: A taxa de juros, quando mantida alta, onera o crédito e colabora pra inibir o consumo das famílias e a injeção de capital das empresas, elementos mandatórios para a recuperação do crescimento da economia. Porém, ainda de acordo com o mercado financeiro, para 2017, a estimativa da taxa de juros é de 11%, o que presume uma queda maior neste ano.

3- PREÇOS NO MENOR NÍVEL: Por causa do estoque estacionado, o mercado tende a baixar os preços dos imóveis. Ainda que o consumidor esteja cauteloso quanto à compra de bens como imóveis e automóveis por causa da crise, a tendência é que o nível de desemprego para de piorar este ano. Com isso, as empresas tentarão manter os baixos preços a fim de atrair clientes, que por sua vez estarão criteriosos em relação à investirmentos, porém buscam segurança e preços baixos, o que abre um novo horizonte no mercado como um todo.

4- PIB: Outro fator que contribui para a recuperação do mercado imobiliário é o crescimento do PIB, posto que desempenha o papel de medir o comportamento da economia brasileira, além de ser a junção de todos os bens e serviços feitos em território brasileiro. O Fundo Monetário Internacional (FMI) vê crescimento do PIB em 2017. O FMI estimou um avanço de 0,5% no PIB, contra uma projeção de crescimento nula feita nos dois últimos levantamentos do órgão.

Portanto, este ano promete ser um ano de investimentos, principalmente o segundo semestre de 2017, pois atendência é de alta na economia, facilitando as relações de compra e venda no mercado imobiliário.

terça-feira, Outubro 18, 2016

 

Investir em imóveis é sempre uma boa opção lucrativa e que deve ser considerada, mesmo por aqueles que não querem correr riscos. Pensando nisso, destacamos cinco VANTAGENS de investir em um imóvel:

1-É SEGURO: Um imóvel é um patrimônio físico, ao alcance das mãos. É seu e não pode ser "congelado" como as contas bancárias, por exemplo.

2-É UMA FONTE DE RENDA: Há sempre pessoas em busca de imóveis para alugar, tornando o negócio uma fonte de renda vitalícia.

3-MANTÉM O VALOR: Um imóvel bem escolhido mantém seu valor ou, na maioria das vezes, valoriza-se muito mais.

4-GERA DISCIPLINA: A compra de um imóvel ajuda a empregar melhor o dinheiro e gera disciplina financeira.

5-  QUEM POSSUI IMÓVEIS POSSUI DINHEIRO NO BANCO!